Imagem de Paz!

Imagem de Paz!
Foto da cachoeira do Sahy, Mangaratiba, RJ

segunda-feira, 22 de março de 2010

ICABÔ – FOI-SE A GLÓRIA DE ISRAEL



1Sm 4.21

A história dos hebreus tem muito a ensinar à igreja dos dias atuais. Cada fato, cada episódio, cada vitória e cada derrota foram cuidadosamente colocadas ali nas Escrituras com um objetivo muito maior do que o de simplesmente relatar fatos históricos. Disso não temos dúvidas!

O acidente trágico com os filhos do sacerdote Eli que culminou na sua própria morte foi algo muito triste na história de um povo tão abençoado como os hebreus e nos faz rever algumas de nossas formas de pensar, como os muito conhecidos gritos de vitória enstusiásticamente pronunciados em nossas igrejas:
“Somos mais do que vencedores.... As portas do inferno não prevalecerão... Ele (o diabo) fugirá de vós....está amarrado... Debaixo dos nossos pés! e etc...

Frases essas tão empolgantes que, ao serem ditas nos faz esconder outras frase ditas nos mesmos episódios...

Somos mais que vencedores – "...mas em todas essas coisas..".
Que coisas? Os sofrimentos, as perseguições, as acusações mentirosas, as escassez e várias outras...

"As portas do inferno não prevalecerão..."
Sobre a igreja edificada por Cristo!

E para ser edificado por Cristo tem que:
Fazer sua vontade, viver em santidade, andar segundo o espírito.

"O diabo fugirá de vós..."
Se, sujeitar-vos à Deus. Esse é o segredo da igreja triunfante.

No episódio acima, o povo escolhido, a nação santa Israel estava muito aquém do que Deus esperava deles. Os sacerdotes já não eram ministros de Deus ao povo e sim ministravam-se a si mesmos. Os filhos de Eli já haviam sido alertados. Mesmo assim, o orgulho do passado vitorioso os tornou cego e não notaram que o "símbolo" da presença de Deus no meio deles já não faria a diferença.
Israel havia se acostumado a entrar em batalhas munidas de um amuleto “a arca”. Mas a arca era somente um símbolo e não Deus. Símbolos não fazem nada. Bíblia aberta no Sl 91 não espulsa demônio nenhum, assim como o nome de Jesus só surtirá efeito na boca daqueles que se submetem a ele.

Algumas coisas acontecem antes da Glória de Deus deixar a igreja...

No capítulo 3 vemos Deus falando com um menino (Samuel) porque aqueles que deveriam ouvi-lo estavam envolvidos em outros afazeres.
Diz a Palavra que antes da lâmpada de Deus apagar. A lâmpada dentro da tenda deveria estar acesa durante toda a noite e somente de manhã ela era apagada. Nunca poderia se apagar na madrugada.

Deus procura alguém para ouvi-lo antes que a luz se apague!

A luz também simboliza a glória e a glória simbolizava a presença poderosa de Deus. Os sacerdotes continuaram desagradando a Deus até que a arca foi tomada e aí sim perceberam que a Glória de Israel tinha ido embora.

É muito triste ver a glória de Deus indo embora!

Hoje, temos presenciado essa mesma glória que, antes dava tanto orgulho às igrejas sendo levada, quantas vitórias foram obtidas em prol do evangelho mas o comodismo, a falta de comunhão, a mistura com obras da carne, o pecado,e a ambição tem levado esta glória para bem longe. Quantas pessoas estão perdendo a fé, e culpam suas igrejas mas, esquecem-se que a igreja também é ela. Precisam ouvir Deus chamando-as à uma comunhão mais íntima com Ele.

Levante-se e ouça o que Deus tem a falar antes que sejas mais um a dizer: Icabô.



Um comentário:

  1. Amado irmão, este texto me faz sentir o quanto preciso me aproximar de Deus. Estou sentindo falta da presença de Deus e pesquisei o termo "foi-se a glória de Israel". Que Deus continue abençoando teu Ministério e que seja instrumento em suas mãos para ajudar outras vidas... A paz do Senhor....

    ResponderExcluir

Este comentário não é de responsabilidade do autor do texto, não refletindo a sua opinião.